Nos últimos meses, a “sirene” da ECOPATROL tem tocado ininterruptamente!

Derrames de navios no cais, derrames causados pela perfuração de condutas, derrames de óleos e ácidos em vias rodoviárias… 

A nossa vocação tem sido posta à prova pela necessidade de otimizar, organizar e distribuir a nossa equipa e os nossos meios técnicos na resposta a todas estas solicitações. 

Tem sido um grande desafio, ao qual acresce a nossa preocupação em manter a resposta atempada aos nossos clientes que, não estando em situação de emergência, merecem o nosso maior respeito e o melhor esforço para a satisfação e, sempre que possível, até para a antecipação das suas necessidades.

Assim, temos consciência de dever cumprido, mas também de um “enriquecimento” feito por via destas experiências, que são também para nós aprendizagens, dada a necessidade de conceber em tempo útil as melhores soluções face às características da situação com que nos deparamos. E cada situação é verdadeiramente única

As respostas a emergências são momentos desafiantes, que nos deixam orgulhosos: quer pelo alívio espelhado no semblante do nosso cliente, quer pelo sorriso que, por vezes, parecemos ver desenhar-se numa árvore, numa ribeira ou num pássaro que sobrevoa o local…